História
 
A Carpincasais foi constituída em Dezembro de 1999 no âmbito de uma estratégia da Casais Engenharia e Construção de autonomizar as suas secções produtivas do tipo industrial.
 
 
A imagem de qualidade conquistada pela Casais Engenharia e Construção no mercado, garante automaticamente procura para os seus produtos e serviços industriais. Assim, decidiu-se autonomizar a secção de Carpintaria em sociedade juridicamente independente, permitindo a sua abertura ao mercado. Desta forma nasceu a Carpincasais Sociedade Técnica de Carpintarias, S.A.
 
 
A Carpincasais absorveu todos os ativos da Secção de Carpintaria da Casais Engenharia e construção,
nomeadamente todo o equipamento produtivo e os recursos humanos. Desta forma conseguiu eliminar
atuais necessidades de subcontratação e garantiu uma elevada capacidade de resposta às necessidades do mercado.
 
 
A evolução nos últimos anos de actividade reflecte-se no seu volume de negócios e como tal, em 2004
a Carpincasais aposta na implementação de um Sistema de Gestão da Qualidade baseado na NP EN ISO 9001, para dar continuidade ao rigor e padrões de Qualidade implementados na Organização.
 
 
Na continuidade da implementação do SGQ o objectivo da Carpincasais é o reconhecimento do seu sistema por uma entidade acreditada para o efeito.
Em Janeiro de 2005 o Sistema de Gestão da Qualidade foi reconhecido pela SGS no âmbito de Concepção, Produção e Montagem de Soluções de Carpintaria de Construção Civil e Obras Públicas com o nº PT 05 1395.0.
 
 
Com a evolução da área de negócios, em Setembro de 2006, a CarpinCasais aposta na implementação de uma secção de lacagem e envernizamento.
 
 
Orientando a sua actuação no sentido da satisfação de todos aqueles, que estão envolvidos na organização e principalmente na satisfação constante do seu cliente, a Carpincasais implementa em Setembro de 2006 um software de controlo e gestão "online" com a produção.
 
 
Em Janeiro de 2007 dá inicio ao trabalho por turnos, laborando assim 24 horas por dia.
No sentido de uma melhoria contínua a Carpincasais tem investido no aumento da sua capacidade produtiva, com a aquisição de novas máquinas e equipamentos.
Nesse mesmo ano inicia o processo de internacionalização, com a primeira obra em Gilbraltar.
 
 
No ano seguinte, 2008, é consolidado o processo de internacionalização com obras em Angola e Gibraltar. O seu volume de negócios aumenta cerca de 30%.
 
 
A contabilidade analítica por obra inicia-se em Janeiro de 2009, com a particularidade de permitir visualizar os resultados em tempo real.
É criado o Departamento de Concepção e Desenvolvimento.
São abertos dois espaços físicos para apoio às obras, em Lisboa e no Algarve.
O Alvará de Construção passa para a classe 5.
Além de Angola e Gilbraltar é aberto o mercado de Marrocos - hotéis Four Seasons.
O volume de negócios aumenta cresce 25%.
 
 
Em 2010 é ampliada a área técnica e administrativa para 350 m2.
Neste ano abre-se o mercado Belga, com duas obras em Bruxelas.
A Carpincasais desenvolve integralmente um projecto de Portas Corta-Fogo em Madeira. Após os ensaios em protótipos são atribuídos os certificados EI30, EI45 e EI60. Neste mesmo processo certifica-se armários Pára-Chamas.
 
Cumprindo o decreto-lei 4/2007 de 8 de Janeiro, são desenvolvidas as Caixilharias Exteriores em madeira maciça, com a respectiva marcação CE.
Em Outubro desse ano participa, em conjunto com a Casais Angola, na Feira Internacional de Luanda.
Alvará de Construção Nº 37429
Copyright Carpincasais 2011 - Todos os Direitos Reservados